domingo, 8 de novembro de 2009

O Que é CTO?

Semana passada no blog do Carrera foi publicada notícia a respeito dos CTOs do Maj Silva - PMERJ - no período em que esteve em missão no Sudão. Para os veteranos nenhuma novidade, no entanto para os aspirantes a UNPOL pode ter ficado uma indagação: o que é CTO?
CTO é uma sigla que significa Compensatory Time Out, ou seja, é o tempo que a ONU concede como compensação pelo período contínuo de trabalho - Os UNPOLs executam uma jornada de trabalho de oito horas diárias de domingo a domingo - sem descanso. Por este motivo existe um sistema de folgas, o CTO. Os manuais da ONU determinam uma regra geral, a qual pode ser readequada de acordo com as peculiaridades e necessidades de cada missão. O regulamento estabelece que a cada 5 dias de trabalho o UNPOL recebe 1 dia de folga. Além disso o UNPOL recebe 1,5 dias de folga a cada mês de missão, esta folga recebe a denominação de Annual Leave. Para exemplificar e facilitar o entendimento, ao final de 60 dias de trabalho o UNPOL terá direito a 12 dias de CTO (1 dia a cada 5 de trabalho) e mais 3 dias de Annual Leave (1,5 dias a cada mês), totalizando 15 dias de folga. A ONU preconiza que estes dias de folga devem ser passados fora da área de missão para que o UNPOL tenha um descanso, inclusive psicológico. Cabe salientar que os gastos com estas viagens são por conta do UNPOL. Normalmente a ONU possui um voo semanal gratuito com destino específico fora da área de missão. No caso do Haiti o voo é para Santo Domingo na República Dominicana, já no Timor o voo é para a Austrália. As folgas dos funcionários civis e dos militares são contabilizadas de forma diferente.
Este período de descanso é fundamental para "recarregar as baterias", transcrevo abaixo um trecho do diário que escrevi no período em que estive no Haiti e que faz referência ao CTO:
“ Port au Prince - 19 out 2007 - 21h00min
Passado o nosso Medal Parade as atenções voltam-se para o CTO, não vejo a hora de chegar em casa e rever a familia. O tempo fora vai ajudar na convivência aqui, pois o trabalho contínuo sem folga acaba nos tornando cada vez mais explosivos, menos complacentes com situações do cotidiano. O trabalho em equipe com policiais de várias nacionalidades faz com que o trabalho diário seja repleto de situações em que precisamos relativizar e nos adaptar a cultura e modos de agir de cada policial aqui, alguns relativizam enquanto outros não tem essa facilidade e tentam impor suas idéias. Com isso passamos a nos estressar facilmente e a perder a calma com coisas pequenas. Em casa a convivência com os outros brasileiros também tem seus altos e baixos, algumas discussões viram coisa do cotidiano, como em qualquer familia. A viagem é necessária para que possamos recarregar as baterias. Agora é só pensamento no CTO, faltam 5 dias, 3 de serviço e 2 de viagem. Não vejo a hora de encontrar minha familia e ficar com as pessoas que amo. Espero que todos gostem dos presentes que estou levando
.”

6 comentários:

Carol Salvador disse...

Eu li no Blog do Policial Carrera e havia concluído que fosse algo do tipo, mas agora ficou completamente esclarecido, inclusive pela tradução da sigla CTO.
Caroline
"parceirospelapaz"

Cap Marco disse...

Este é o objetivo principal do Blog, o esclarecimento de situações do cotidiano das missões aos interessados pela matéria. fico feliz que tenha contribuído nesse sentido.

Cap Marco

Capitão disse...

Nobre Cap Marco, aqui na MINUSTAH O ANNUAL LEAVE foi revisto agora o calculo e 2,5 dias a cada 30 dias. Essa era uma demanda antiga dos UNPOLS por aqui, pois segundo informações, m outras missões o annual leave ainda é de 1,5 dias porém exite um sistema de escalas aos domigos(50% do efetivo Polcial a cada domingo) vale a pena pesquisar. tive a confirmação de um UNPOL que trabalhou em COTE D´VOIR que por lá existia essa escala. Abraços e bonne chance!

Cap Marco disse...

Obrigado pela atualização, vou publicar!

Um grande abraço

Cap Marco

Anônimo disse...

Que boas novas, em Caro amigo!
Bem que poderia ter sido assim no nosso tempo de MINUSTAH... trabalhar quase 100 dias sem folga não era nada fácil....rs
Parabéns!
Sérgio Carrera
"Policiais brasileiros em Missões de Paz da ONU"
www.missaodepaz.wordpress.com

Cap Marco disse...

Pois é Carrera, são 12 dias a mais de folga...muito bom e merecido, você sabe!

Um abraço

Cap Marco